Boas vindas

Como conviver com conceitos tão conflitantes: Uma igreja que crê que o evangelho só é possível com relacionamentos reais e  a utilização da rede mundial de computadores?

A história da Internet, de maneira muito simples, se divide em três momentos:

1. Uma Vitrine
Primeiro, via-se a rede de computadores como uma vitrine, um catálogo de propaganda.

2. Um Loja
Depois, entendeu-se que era possível ir um pouco além, daria para transferir o “negócio” para a web. Então era a loja inteira, não somente a vitrine. Surgiram serviços que antes eram somente do mundo real; como bancos, seguradoras, alfaiatarias e até shopping.

3. Negócio On-line
Agora, num terceiro momento, têm surgido o negócio próprio da internet. Coisas que funcionam somente no virtual. Nunca foram concebidos no mundo real, já nascem com DNA digital.

O que queremos

Não estamos criando uma igreja virtual sem vínculos reais. Logo, não estamos na terceira fase. Também, não estamos transferindo a igreja do mundo real para dentro da web; então, não estamos na segunda fase. No entanto, também não queremos que seja uma propaganda da igreja que vivemos e amamos. O site não é o catálogo da igreja. Não queremos a primeira fase.
Como conviver com conceitos tão conflitantes: Uma igreja que crê que o evangelho só é possível com relacionamentos reais e  a utilização da rede mundial de computadores?

  • Aqui, será um espaço de edificação. Um espaço individual. Então, neste momento, não enxergo como cumprir o evangelho por aqui.
    O Senhor deseja que você encontre um povo que te ame e que você o ame também. Isso só é possível na IGREJA real.
  • Aqui, será um pequeno registro do que o Senhor Altíssimo, pela sua misericórdia, tem realizado em nós, por nós e através de nós.
  • Aqui, se falará de nossas súplicas e paixões. Choros e alegrias. Esperanças e esperas.
  • Aqui, compartilharemos muitos dos nossos sonhos.

E, para concluir, é bom lembrar que estamos nos descobrindo. Estamos como os que sonham. Um pouco já é realidade. Muito ainda pertence ao sonho. Não deixamos de sonhar. Porque Esperança é perseverança.

Seja bem-vindo à Nova Esperança na Rede.

One Response to “ Boas vindas ”

  1. como faço para assistir os cultos publicados?

Deixe uma resposta para Luiz Cancelar resposta